Daniel fala sobre como devem se portar os músicos na igreja e sobre o ministério de louvor.

2 COMENTÁRIOS

  1. Muito bem dito …realmente muitas pessoas estão preocupadas com do ‘eu’ e não com o Deus a quem dizem servir. ;D

    Parabéns pelos post’s vejo sempre e reflito..

  2. Adorei o vídeo e falou bastante em mim.
    Mas tem uma coisa que não concordei muito. Sobre os cânticos do hinário e sobre os diversos estilos de música usados para adoração.
    Foi lançado o “Arrocha Gospel”. Você acha que alguém se preocupara em adorar ao Senhor ou vão ficar dançando sem compromisso com Deus?
    Funk Gospel. Eu já vi bastante pessoa dançando ao invés de Adorar pela letra.
    Uma coisa é, Louvores em ritmo dançante tira o verdadeiro foco que é o Louvor.
    E sobre os Cânticos. Na minha igreja (Batista) ainda entoa Louvores do hinário na forma original. Na minha igreja tem tanto Jovens quanto Idosos. Os Jovens gostam da remasterização, mas uma parte dos idosos não. Já foi feita na minha igreja, mas foi algo bem razoável. Aceitaram, pois não alterou o ritmo.

    O Foco SEMPRE deve ser o Senhor, mas os louvores precisam tocar o Coração daqueles que entoam também. Não adianta fazer metade gostar e a outra metade que tem uma única pessoa que precisa daquela palavra não entender nem o que a pessoa está cantando.

    Fiquem com Deus

DEIXAR UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here